Advertising

Pular para o conteúdo principal
Advertising

Não perca a chance de alcançar clientes que estão procurando por você. COMECE AGORA MESMO >

Blog
Page 1 of results

Porque conversar com a máquina.

Inteligência artificial

Imagine se as marcas pudessem se envolver com seus consumidores de forma que não só fosse relevantes e pessoal, mas também em um ambiente onde seu valor é proativamente procurado pelo próprio indivíduo.
 
Houve uma época onde as tecnologias e interações com o mundo digital mostradas em filmes e séries de ficção científica eram apenas ilusões e efeitos construídos para o entretenimento. No entanto, o que antes foi fruto da magia do cinema está rapidamente se tornando realidade. Estamos na era de uma mudança significativa na conversasão. Uma mudança, alimentada pelo surgimento e desenvolvimento da inteligência artificial (IA) e do desejo de uma interação mais intuitiva com a tecnologia; conversando naturalmente como com outras pessoas.
 
Uma das principais tendências que preparou o cenário para uma era de pessoas falando com seus dispositivos é o crescimento das pessoas que falam através de seus dispositivos. O eMarketer estima que 1,82 bilhão de pessoas em todo o mundo usaram aplicativos de mensagens móveis em 2017, o que equivalem a quase um quarto (24,6%) da população mundial¹.

Basta olhar as conversas em tempo real, como as que acontecem no Skype, onde se encontra as pessoas que são importantes para você. Ou os aplicativos de mensagens instantâneas, como Snapchat por exemplo, com mais de 166 milhões de usuários ativos diários enviando, compartilhando e desfrutando de conteúdo.

 

Reunir interações e conversas intuitivas e similares aos entre humanos, todas apoiadas pela IA, é uma maneira de criar experiências mais atraentes baseadas em tecnologia, e uma forma de marcas alavancarem sua realção com cliente e estabelecer diálogos mais profundos com os consumidores.
 
Considere Xiaoice, um programa de chat desenvolvido pela Microsoft para o mercado chinês, como um exemplo de como os comerciantes podem fazer parte da conversa. Xiaoice é uma persona artificial que se envolveu em mais de 40 milhões de usuários, inserindo-se inteligentemente em conversas, apoiado por um poderoso mecanismo de busca.
 
Mas Xiaoice não fornece apenas informações contextuais oportunas - ela fornece empatia, personalidade e senso de humor. Em outras palavras, ela parece humana e real. Você pode apresentá-la ao seu cachorro através de uma foto, ela reconhecerá a raça e solicitará por mais informações. Ou, se você contar a ela sobre um término de relacionamento recente, ela irá perguntar como você está se sentindo. Ela se tornou familiar na China e aqueles que interagiram, sentiram uma conexão emocional, definitivamente real, com um em cada quatro usuários declarando seu amor².
 
Muitos desses bots também são criados com capacidades cognitivas, onde a Microsoft oferece aos desenvolvedores, as ferramentas para criar uma nova presença de marca, com capacidade de audiçaõ, articulação de palavras, entendimento e interpretação de necessidades de um usuário e outros. Os sinais de intenção obtidos das habilidades cognitivas estão permitindo que os anunciantes imapctem sues clientes de forma infinitamente mais pessoal e impactante. Quando o bot faz parte de uma conversa, sua marca está efetivamente envolvendo de forma próxima e em tempo real com um consumidor e pode ajudar a fornecer interações mais profundas e mais significativa, de maneiras novas e inesperadas

  

Por exmeplo o bot de chat do Skyscanner. Integrado com o Skype, ele permite que você adicione o Skyscanner bot ao bate-papo do Skype e interaja com o bot como se fosse outro membro do grupo. Você pode procurar vôos, preços ao vivo, rotas e, finalmente, reservar via link, oferecendo aos viajantes a capacidade de compartilhar a experiência de encontrar os melhores vôos.
 
Interações mais íntimas e personalizadas são comprovadamente impactante na eficácia da publicidade - uma marca que se auto-recomenda não ganhará novos clientes de maneira tão simples, mas se for promovida de outras maneiras e por seus usuários, na situação certa e no momento certo, você pode ter uma fórmula para o sucesso.
 
É uma abordagem que pode ajudar a construir vínculos mais fortes do que qualquer outro engajamento mais convencional. Os anunciantes podem, ao agregar valor a uma interação humano/ máquina que simule o contato humano, inserir-se em uma conversa ou em um grupo, com a aceitação que se espera de colegas. É um nível de afinidade nunca alcançado antes na esfera de marketing, e os ingredientes já estão disponíveis para que isso aconteça.

 

 

 

 


1 Based on eMarketer article, eMarketer Releases Latest Estimates for Worldwide Messaging App Usage, July 21, 2017. 
2 Microsoft Internal Data, Nov 2016